O mar e a serra

Nós temos desperdiçado o nosso maior bem, a montanha; aqui, aproveita-se com modernidade o seu maior atributo, o mar. Eis-nos perante uma diferença fundamental, encerrando porventura uma lição, um desafio.

Em tempos difíceis de crise, seremos capazes de ainda entender isto?

Cito-me, e faço-o apenas pela oportunidade que tal justifica e não porque considere o facto em si mesmo relevante.

Foi assim que terminei o texto em que dava conta da profunda alteração deliberadamente provocada na minha vida, cuja justeza estes escassos dias já comprovaram em absoluto.

Inseri tal texto no blog na passada sexta-feira e logo no sábado imediato um artigo do jornalista Pedro Bidarra, divulgado no DN (secção Dinheiro Vivo) concedia forte confirmação ao meu desabafo pessoal. Intitulou-se esse artigo À atenção dos senhores do turismo, completado pelo subtítulo É a diferença que é notada. A nossa está na nossa geografia. Há que promovê-la como única.

Nem mais, nem menos. Se a diferença geográfica de Peniche, num litoral rico de oportunidades, são as suas ondas vocacionadas para o surf (e para outras finalidades…), já a diferença geográfica de Portalegre, num Alentejo carregado de inexploradas potencialidades, é a sua serra.

Falo do que sei e do que tentei colectivamente pôr em prática. Nos anos 60, quando integrei um elenco autárquico, nesses tempos da “outra senhora”, procurámos marcar uma certa diferença em termos de futuro. Foi então que fomos buscar a água de que tanto precisávamos à quantidade e qualidade da que brotava na Portagem, desde a fabulosa Quinta dos Olhos d’Água, hoje sede do Parque Natural da Serra de São Mamede; montámos a rede de carreiras municipais de autocarros urbanos, que então serviam a cidade toda e os arredores imediatos, incluindo algumas freguesias rurais; alugámos o espaço, mítico, da Quinta da Saúde, na perspectiva de aí instalar progressivamente o parque de merendas e de lazer, de que a comunidade local nunca dispôs, e um complexo turístico de alcance nacional e, se possível, internacional. A saída, em missão de soberania, do presidente de então e a substituição do elenco municipal frustraram a execução do plano, depois trocado por outras realizações de que a cidade também carecia, a título porventura mais urgente e imediatista.

O que é hoje a Quinta da Saúde resume-se à saudade do seu antigo esplendor, desde a desaparecida Festa do Aventais à extinção do afamado restaurante, ao encerramento do alojamento ali montado, ao “exílio” do parque de campismo, sempre precário, ao desmantelamento de estruturas e de projectos. Ficaram algumas residuais tabuletas, publicidade hoje enganosa, a recordar a amarga realidade…

serra

Pedro Bidarra, depois de citar os milhões de euros que o evento trouxe à região de Peniche, volta e bem à sua filosofia de base: “O Mundo está cheio de coisas iguais. É a diferença que é notada. É a diferença que é procurada. É a diferença que vende. A nossa diferença está na nossa geografia…”

A magnífica serra de Portalegre (e a montanha de São Mamede, de que ela é porta de entrada) constitui a nossa diferença num Alentejo carregado de outras diferenças. Algumas destas também as temos, da gente acolhedora à magnífica gastronomia dita regional, da cultura local com a monumentalidade construída, com a rica carga histórica e biológica que ostentamos, mais a paisagística e a museológica, e também a tradição folclórica e artesanal…

E o Alentejo, o restante grande Alentejo, não tem uma montanha como a nossa e com as potencialidades que noutros tempos aí foram exploradas e até renderam.

Por isso repito: quando saberemos perceber e resolver este desafio, esta provocação?

 António Martinó de Azevedo Coutinho

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s