Caminhar pelo Norte Alentejano

A caminhada e a corrida vão entrando nos hábitos de um crescente número de cidadãos que há pouco nem sequer tinham colocado tão saudáveis modalidades desportivas nos seus hábitos.

Há umas semanas, o Diário de Notícias incluiu na sua edição um pequeno opúsculo intitulado Descobrir Portugal a Caminhar.  O seu conteúdo, embora elementar, pareceu-me oportuno e interessante.

Em termos pessoais o mais significativo desse conteúdo consistiu numa relação, entre outras, de percursos organizados em diversas regiões do País. Interessou-me muito em particular a listagem dos percursos disponíveis no Norte Alentejano. Dos constantes nos concelhos de Arronches (Esperança), Castelo de Vide (Grande Rota, Serra de São Paulo, Torrinha, Castelo de Vide-Marvão, Barragem da Póvoa e Fontes na Vila), Portalegre (Senhora da Lapa, Reguengo, Alegrete, Salão Frio, Carreiras e Vale Lourenço) e Marvão (Marvão, Galegos e Contrabando do Café), de quase todos eles tenho a experiência repetida de vivências que nalguns casos remontam à sua própria organização. Recordo com emoção esses apaixonantes trabalhos no seio do Parque Natural da Serra de São Mamede e na companhia do seu fabuloso pessoal, do director aos técnicos, dos funcionários aos guardas-vigilantes.

Aliás, de certos folhetos ou opúsculos desdobráveis editados a tal propósito já aqui mesmo dei conta e por diversas vezes. Na actual relação do recente opúsculo até faltam alguns…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s