Ó tempo, volta p´ra trás…

Houve um tempo, prolongado, em que os denominados mapas satíricos foram muito populares, sobretudo como instrumento político. Isso aconteceu em épocas de crise, de guerra e de permanente conflito diplomático, nomeadamente na Europa. O nosso continente foi quase sempre um torvelinho de interesses cruzados que se prestavam à crítica literária e gráfica. Os mapas satíricos procuraram explicar essas tensões de forma gráfica e estética, tendo atingido apreciável eficácia comunicacional.

São inúmeros os casos exemplares de mapas satíricos europeus. O que aqui hoje se recorda data de 1887, precisamente há 130 anos, e teve como título A Europa de hoje. Bismarck defendia um exército alemão poderoso, ingleses e italianos aliavam-se para manter o status quo no Mediterrâneo, abria uma conferência colonial em Londres, cavava-se febril tensão entre a França e a Alemanha por questões de espionagem e por aí fora…

Por cá sonhávamos com o mapa cor-de-rosa e fazíamos acordos com a China por causa de Macau, reinando D. Carlos que via nascer o malogrado herdeiro Luís Filipe…

Voltando ao curioso mapa satírico de 1887, célebre no seu tempo, constituiu uma separata do Nebelspälter, jornal suíço de expressão alemã em Zurique. O mais irónico de tudo é que tenho dado voltas à cabeça para descobrir diferenças significativas entre aquela Europa de há 130 anos e a de hoje.

Ainda não as consegui encontrar…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s