Dia Internacional de Lembrança do Tráfico de Escravos e sua Abolição

O Dia Internacional de Lembrança (ou Memória) do Tráfico de Escravos e sua Abolição tem lugar a 23 de Agosto de cada ano, portanto hoje mesmo.

Foi escolhido esta data para a celebração em referência à noite de 22 para 23 de Agosto de 1791, quando escravos de São Domingos se revoltaram contra o sistema de escravidão, dando lugar à independência do Haiti. O acontecimento foi um ponto de viragem na História, tendo um grande impacto no estabelecimento dos Direitos Humanos.

O Dia Internacional de Lembrança do Tráfico de Escravos e sua Abolição funciona como uma homenagem às vítimas de escravidão e à sua luta. Este dia foi adoptado pela UNESCO através da Resolução 29 C/40, sendo celebrado anualmente desde 1998. A UNESCO divulga todos os anos uma mensagem em memória deste dia e faz um convite aos governos e às organizações para aumentarem os seus esforços de reconciliação e para compartilharem as suas iniciativas.

Assim se pretende inscrever a tragédia do tráfico de escravos na memória colectiva de todos os povos. De acordo com os objectivos do projecto intercultural “A Rota do Escravo”, desde 1994, este dia pretende ser uma oportunidade para a consideração colectiva das causas históricas, métodos e consequências desta tragédia, e para uma análise das interacções que o fenómeno originou entre África, Europa, América e Caraíbas.

Estudar esta história é também prestar homenagem aos que lutaram pela liberdade e reconhecer as suas contribuições insubstituíveis para a afirmação dos Direitos Humanos universais. O seu exemplo deve ajudar-nos a continuar a luta pela liberdade, contra os preconceitos raciais herdados do passado e contra as novas formas de escravatura que persistem até hoje, afectando ainda milhões de pessoas.

Com efeito, cerca de 20 milhões de pessoas estão presas em trabalhos para os quais foram atraídas de forma enganosa ou que são coagidas a fazer sem os poderem abandonar, de acordo com estatísticas recentes da Organização Internacional do Trabalho.